Artigos

Artigos
04 de maio de 2015

Entenda como a alimentação ajuda a evitar o câncer

Entenda como a alimentação ajuda a evitar o câncer

A importância que a alimentação tem para o bem-estar e a qualidade de vida é bastante conhecida pela humanidade. Em 377 a.C o filósofo e médico grego Hipócrates já afirmava “Faça do seu alimento seu medicamento”.

A qualidade da nossa dieta influencia diretamente nossa saúde, especialmente quando falamos da prevenção de doenças crônicas não-transmissíveis como o câncer. A seguir, vamos analisar em que medida o alimento pode ajudar a tratar e/ou evitar essa doença e ajudá-lo a descobrir como obter esses benefícios no seu dia a dia.

Abuse das vitaminas e dos minerais

Cada vitamina e cada mineral encontrado nos alimentos é responsável por funções bastante específicas do nosso metabolismo. Boa parte das vitaminas funcionam como importantes compostos enzimáticos, enquanto os minerais têm funções relacionadas à regulação da pressão arterial e à transmissão de impulsos nervosos, além de outras ações vitais do organismo. Quando o corpo está funcionando de maneira harmoniosa, recebendo os aportes ideais desses nutrientes, menores são os riscos de apresentarmos alguma manifestação cancerígena.

Para obter esses benefícios, é importante ter uma alimentação cujos nutrientes suprem sua necessidade metabólica diária. Valorize o consumo de frutas e vegetais, sempre frescos e, preferencialmente, de origem orgânica (não cultivados com agrotóxicos), além de carboidratos, proteínas magras e gorduras saudáveis, para garantir a ingestão satisfatória de vitaminas e minerais diária.

Consuma fibras alimentares

O papel mais importante das fibras para o organismo é o de regulação. O composto, encontrado em produtos de origem vegetal faz um ajuste em diversas funções consideradas vitais para organismo.
As fibras ajudam a regular o trânsito intestinal, evitando, portanto, quadros de constipação ou diarreia. Essa característica também é extremamente importante para diminuir os riscos de desenvolvimento do câncer na região gastrointestinal, já que elas estimulam o funcionamento correto desse sistema.

Ingestão regular de antioxidantes

Os antioxidantes são nutrientes capazes de reagir com radicais livres – átomos produzidos naturalmente pelo organismo humano ou por fatores ambientais externos. Para entender a importância dessa molécula, é preciso levar em consideração os danos que os radicais livres causam ao organismo.

Diversos tipos de câncer são causados pela combinação entre radicais livres e DNA, que levam a mutações no material genético. A ingestão de frutas, carnes e vegetais frescos, que são alimentos ricos em antioxidantes, ajudam a inibir a ação dos radicais livres no nosso organismo, reduzindo as chances do desenvolvimento do câncer.

A alimentação é um dos principais fatores que ajudam a combater e evitar o desenvolvimento dos vários tipos de câncer. Além de comer de maneira equilibrada, é importante valorizar a prática de atividades físicas e de hábito de vida saudáveis para diminuir ainda mais os riscos do desenvolvimento dessa doença.