Artigos

Artigos

Por:
Publicado em 02/06/2023

Saiba mais sobre o exame de cistoscopia

Saiba mais sobre o exame de cistoscopia

exame de cistoscopia é muito importante para o diagnóstico de doenças urológicas. Neste artigo, explicaremos o que é a cistoscopia, as doenças que podem ser diagnosticadas por meio deste exame e como ele é realizado. 

O que é o exame de cistoscopia?

cistoscopia é um exame cujo objetivo é visualizar a bexiga e a uretra por meio de um tubo fino e flexível chamado cistoscópio. É um exame fundamental para o diagnóstico de doenças urológicas, como cálculos renais, câncer de bexiga e doenças da uretra.

Também é conhecido como uretrocistoscopia, o exame é feito por um urologista, sendo um procedimento bastante seguro e geralmente bem tolerado pelos pacientes. Portanto, pacientes que apresentam sintomas como sangramento na urina, dor ao urinar, aumento da frequência urinária, ou que possuam fatores de risco para doenças urológicas, como histórico familiar de câncer de bexiga, estão indicados a realizar o exame de cistoscopia.

Como a cistoscopia é realizada?

Durante o exame, o paciente é posicionado em uma maca e é administrada uma anestesia local na região da uretra para minimizar o desconforto durante a inserção do cistoscópio, tubo de visualização flexível. Em seguida, o cistoscópio é inserido na uretra e, gradualmente, vai avançando até a bexiga.

Assim que o cistoscópio chega à bexiga, um soro fisiológico é liberado para expandir o órgão e facilitar a visualização. Os cistoscópios podem variar em diâmetro e comprimento, geralmente tendo entre 15 e 30 centímetros, além de possuírem uma pequena câmera para que o médico possa registrar o exame e obter imagens do interior da bexiga.

Dessa forma, o urologista pode visualizar a parede da bexiga e da uretra em um monitor de vídeo. Se houver alguma anormalidade, o médico pode realizar uma biópsia ou remover a lesão para uma análise posterior.

Após o exame de cistoscopia, o paciente pode sentir um pouco de desconforto ou sensação de queimação ao urinar. Em alguns casos, pode haver sangramento na urina, no entanto, esses sintomas costumam desaparecer em um ou dois dias.

Quais doenças podem ser diagnosticadas?

Por ser um exame importante para o diagnóstico de diversas doenças urológicas, listamos algumas das principais que podem ser diagnosticadas por meio da cistoscopia. 

Câncer de bexiga

Segundo tumor urológico mais frequente, o câncer de bexiga é o 4º tumor maligno mais comum nos homens, principalmente a partir dos 50 anos. O exame de cistoscopia é considerado o método padrão para diagnóstico e acompanhamento de doenças da bexiga pela Sociedade Brasileira de Urologia. No entanto, pode não detectar tumores pequenos em 25% dos casos.

Cálculos urinários

Conhecidos pela formação de “pedras” no aparelho urinário, os cálculos urinários são uma condição bastante comum, caracterizado pelo acúmulo de cristais no aparelho urinário. Esses cristais podem ser compostos por diferentes substâncias, como cálcio, ácido úrico, oxalato e fosfato. Durante o exame de cistoscopia, o médico pode visualizar a presença de pedras na bexiga ou uretra, confirmando o diagnóstico dessa condição.

Câncer de uretra

Tipo de tumor raro que acomete, em sua maioria, mulheres. O câncer de uretra se origina nas células que revestem o canal que leva a urina da bexiga para o exterior do corpo.

Nesses casos, o exame de cistoscopia pode identificar a presença de lesões, caroços ou outros tipos de anormalidades na uretra, ou seja, qualquer indicativo de câncer. Além disso, a cistoscopia também pode ser utilizada para biopsiar tecidos suspeitos, permitindo a realização de exames para confirmar o diagnóstico.

Realize sua cistoscopia em Florianópolis com a UROMED

Agora que você sabe sobre quais problemas esse exame pode diagnosticar, é possível entender a importância desse procedimento. No geral, é um exame relativamente simples e seguro, que pode ser realizado em consultório médico.

Tenha em mente que a cistoscopia é apenas um dos exames que podem ser solicitados pelo urologista. Somente o especialista pode avaliar cada caso de forma individualizada e indicar o procedimento mais adequado para cada situação.

É importante que as pessoas estejam cientes da necessidade de realizar exames preventivos, principalmente se tiverem histórico familiar de doenças urológicas ou apresentarem sintomas como dor e presença de sangue na urina ou sensação de pressão na região pélvica. O diagnóstico precoce é fundamental para um tratamento eficaz e melhores chances de cura.

Se tiver alguma dúvida ou precisa agendar o exame de cistoscopia em Florianópolis, entre em contato com nossa equipe de atendimento. Estamos à disposição! 

 

Material escrito por:
- Urologista - CRM 4265 RQE 1147

Diretor Técnico na Uromed, o Dr. Waltamir Horn Hülse é formado em medicina pela UFSC e especialista em urologia pelo Hospital Governador Celso Ramos. É membro da Sociedade Brasileira de Urologia, da Associação Brasileira do Assoalho Pélvico e da International Continence Society Seus principais interesses são a uroginecologia e urologia feminina.